Como enviar dinheiro para os Estados Unidos?

Um dos destinos mais cobiçados para intercâmbio, trabalho ou investimentos é certamente os Estados Unidos. E para essas finalidades, tanto para quem embarca rumo a terra do Tio Sam, quanto quem fica no Brasil, é importante saber como enviar dinheiro para os EUA.

Isso porque, seja para uma emergência ou até mesmo para manutenção de um residente, conhecer os processos é fundamental para torná-los mais simples e práticos.

Pensando nisso, preparamos um conteúdo especial para ajudar quem precisa realizar uma remessa do Brasil para os Estados Unidos sem complicações. Confira!

Maneiras de enviar dinheiro para os EUA

Antigamente, realizar uma transferência internacional era um processo burocrático e que apenas os grandes bancos tinham habilitação para operá-la, o que acabava gerando altos custos para os clientes.

No entanto, graças a chegada da tecnologia, hoje em dia é possível realizar a operação de forma 100% online, sem que para isso você precise pagar taxas altas ou até mesmo se deslocar até uma agência bancária.

Embora existam várias formas de enviar dinheiro para o exterior, há duas delas que se destacam no mercado: a remessa internacional e a remessa expressa.

Com a remessa internacional, você pode enviar ou receber recursos do exterior de forma segura, por meio de uma conta bancária. Esse serviço é recomendado para manutenção de residentes, pagamento de cursos, hotéis e outras naturezas.

Já no remessa expressa, o processo é bem semelhante, porém, neste caso você pode enviar dinheiro do Brasil para outro país, sem que o beneficiário precise ter conta corrente ativa por lá.

Dados necessários para o envio

Antes de iniciar o processo para enviar o dinheiro, é necessário seguir algumas recomendações, a fim de otimizar ainda mais o seu tempo, por isso, tenha todos as informações em mãos para se cadastrar na plataforma.

Além dos seus dados pessoais como nome completo, número de CPF, data de nascimento, país de origem, endereço e contato, também será solicitado os dados do beneficiário, que são:

  • Nome completo e informações pessoais de quem vai receber os valores;
  • Telefone de contato
  • Localização;
  • Código SWIFT do banco beneficiário;
  • Número da conta (e agência) do beneficiário
  • Motivo do envio.

É importante que todos os dados estejam corretos para o sucesso do envio. Caso contrário, a operação pode ser cancelada e os valores estornados, sendo necessário iniciar um novo processo.

Passo a passo para a remessa

Com todos os dados em mãos, basta entrar no site da Cotação, selecionar a opção de envio de dinheiro para o exterior e seguir os passos listados abaixo:

  • Faça seu cadastro na plataforma, informando seus dados pessoais (necessário apenas para o primeiro envio);
  • Simule o valor a ser enviado e clique em iniciar envio;
  • Informe os dados do beneficiário solicitados;
  • Com todos as informações preenchidas, basta confirmar o pagamento para concluir a operação.

Viu só como é simples? Em poucas etapas você pode enviar dinheiro para os Estados Unidos sem qualquer burocracia ou complicação.

Enviar dinheiro para os EUA

Quais são as taxas cobradas

Em qualquer operação internacional, a cobrança de taxas pode ser aplicada, sendo que os valores podem variar de acordo com cada instituição.

No entanto, a taxa sobre operações de crédito, também conhecida como IOF é aplicada em todas as instituições, sendo de 0,38% para envios para terceiros e de 1,1% nos envios para mesma titularidade.

Além de toda a praticidade e segurança, uma das principais vantagens de escolher a Cotação para quem pretende fazer este tipo de operação é a isenção de tarifas para o envio de Dólar.

Dessa forma você consegue enviar dinheiro para os Estados Unidos sem preocupações e com uma das melhores condições do mercado.

Quando o dinheiro fica disponível?

No geral, se todos os dados forem preenchidos de forma correta e não houver problemas com o pagamento, os valores ficam disponíveis para o beneficiário em até 24h.

Porém, este prazo pode ser alterado em algumas situações específicas, como por exemplo:

  • Horários de operação bancária no país de destino;
  • Confirmação do pagamento;
  • Divergência nos dados cadastrados;
  • Políticas específicas da instituição do beneficiário.

Sendo assim, embora o serviço de transferência seja flexível e possa ser realizado 7 dias por semana, 24 horas por dia no site da Cotação, deve-se ficar atento à todos os possíveis inconvenientes.

Aposte nos benefícios da remessa internacional!

Além dos benefícios já citados, enviar dinheiro para os Estados Unidos através da remessa internacional Cotação pode ser vantajoso em muitos outros aspectos.

A rapidez e segurança do serviço, a isenção de tarifas e até mesmo a utilização do câmbio comercial fazem toda a diferença na hora de escolher uma instituição confiável para realizar a operação.

Por isso, não perca tempo: sempre que precisar, pode contar conosco para te ajudar no que diz respeito ao mercado de câmbio!