Saiba como funcionam os impostos nos EUA

Entenda um pouco mais sobre os tributos e o sistema tributário americano

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 avaliações, média: 4,00 de 5)
Loading...
Tempo de leitura aproximado: 7 minutos

Viver nos Estados Unidos está entre os seus planos de vida? Então entender como funcionam os impostos nos EUA é, certamente, algo que lhe interessa.

Já de antemão é possível adiantar que a diferença no sistema tributário brasileiro e norte-americano é grande, principalmente em relação a quantidade de impostos.

O Brasil possui uma das cargas tributárias mais altas e um dos sistemas tributários mais complexos do mundo. Uma combinação que confunde e dificulta o entendimento do contribuinte, que muitas vezes não sabe sequer a quantidade de impostos que paga diariamente.

Por outro lado, como você pode ver a seguir, nos Estados Unidos a teoria funciona de forma bem simplificada. Confira como funciona a tributação nos Estados Unidos, entenda quais são os principais impostos cobrados no país e conheça a alíquota de Sales Tax cobrada em alguns dos principais estados e cidades.

Como funciona a tributação nos Estados Unidos?

Antes de começar a falar sobre os impostos de fato, é importante saber que o órgão responsável pelo recolhimento dos pagamentos, em nível federal, é o Internal Revenue Service ou IRS, um braço do Department of Treasury, que é o Departamento do Tesouro.

Ou seja, é para esse órgã que os americanos devem prestar contas e é esse órgão que identifica sonegadores e institui penalidades sobre aqueles que não mantém os pagamentos em dia.

Sabendo qual é o órgão responsável pela instituição dos impostos, é hora de explicar quais os impostos nos EUA pagos pelos norte-americanos. Os impostos são, basicamente, quatro – bem diferente daquilo que os brasileiros estão acostumados a pagar – e são subdivididos entre impostos federais e estaduais.

Leia também: Quanto custa morar nos EUA?

Quais os impostos nos EUA?

Em primeiro lugar há o Federal Income Tax, imposto que incide sobre a renda dos cidadãos e possui uma única alíquota vigente em todo o país. Em segundo há o Income Tax, imposto que, assim como o Federal Income Tax, incide sobre a renda dos cidadãos.

Contudo, diferente daquele, o Income Tax é competência específica dos estados norte-americanos que podem, ou não, recolher – de acordo com a sua própria necessidade.

Logo abaixo, em terceiro lugar, está o Sales Tax, que representa o imposto instituído sobre a compra de alguns produtos e serviços, cuja alíquota pode variar de acordo com o estado e também entre cidades. O quarto, e último, é o imposto chamado de Property Tax, muito semelhante ao IPTU, cobrado no Brasil. O Property Tax incide sobre propriedades, ou seja, bens imóveis no geral.

Federal Income Tax

Como já foi dito, o Federal Income Tax é o imposto de renda federal que incide sobre os ganhos dos cidadãos norte americano anualmente. Esse imposto representa a maior fonte de receita para o governo federal dos EUA e sua alíquota varia de 10% a 37% onde as mais altas são cobradas daqueles que possuem níveis de renda mais altos.

Saiba como funcionam os impostos nos EUA

Income Tax

O imposto de renda estadual também está entre os principais impostos nos EUA e diferente do Federal Income Tax, sua alíquota varia de acordo com o estado e, em alguns casos, pode nem ser cobrado.

Atenção: estrangeiros que costumam visitar os EUA com certa frequência também devem se preocupar com o pagamento do income tax, ainda que não sejam residentes no país. Afinal, existem situações em que um estrangeiro pode passar a ser considerado um “residente fiscal”, ou seja, alguém que é residente apenas para fins de recolhimento de impostos. As situações são:

  • Obtenção da residência permanente (green card);
  • Tempo de permanência em território americano superior a 183 dias consecutivos.

Leia também: Por quanto tempo posso ficar no exterior?

Sales Tax

Depois de entender como funcionam os impostos de renda federal e estadual, é hora de saber mais sobre o Sales Tax. O Sales Tax pode ser comparado ao ICMS pago no Brasil, mas diferente do país verde amarelo, cuja alíquota varia de estado para estado e também em relação ao produto, por lá a tributação é um pouco mais transparente.

Ao adquirir um produto no supermercado ou numa loja de departamentos, no momento do pagamento há a discriminação direto na notinha (cupom fiscal). E enquanto no Brasil essa tarifa varia também de acordo com o produto adquirido, por lá a taxa é basicamente a mesma para qualquer mercadoria e também sofre pouquíssima alteração de estado para estado. Veja algumas alíquotas:

  • San Francisco: 8,5%
  • Califórnia: 8,38%
  • Arkansas: 8,61%
  • Rhode Island: 7%
  • Indiana: 7%
  • Orlando: 6,5%
  • Miami: 7% (algumas regiões chegam a 6%)
  • Miami Beach: 7%
  • Chicago: 9,5%
  • Tampa: 7%
  • Wisconsin: 5%
  • Alabama: 8,45%
  • Nova York: 8,875%
  • Las Vegas: 8,25%

Contudo, nem todos os produtos são taxados pelo Sales Tax. Em alguns estados, por exemplo, não há cobrança para alimentos ou roupas, em outros há reembolso do valor do imposto para turistas internacionais. Atualmente, existem 4 estados norte-americanos onde não há cobrança de Sales Tax: Delaware, Montana, New Hampshire e Oregon.

Property Tax

Por último, mas não menos importante, há o Property Tax, imposto anual que incide sobre a titularidade de bens imóveis, como as propriedades residenciais, comerciais ou industriais. Por se tratar de um tributo cobrado por cidades, condados ou determinadas áreas distritais, o valor pode variar de acordo com a região.

Esclareceu as suas dúvidas sobre o funcionamento do sistema tributário e o pagamento de impostos nos EUA? De forma geral, os tributos são transparentes e o seu entendimento é bastante simplificado. Lembre-se de compartilhar este conteúdo com aquele seu amigo que também pretende morar nos Estados Unidos e ajude-o a compreender melhor as principais informações sobre a tributação no país.